domingo, 9 de outubro de 2016

Yellow

"Yellow", de Ryan Haysom (2012) Curta-metragem alemao, que homenageia os filmes "Giallio"( amarelo, em italiano), celebrado em filmes de mestres como Dario Argento, Lamberto Bava e outros. Na convenção do "Giallio", as mulheres são as vítimas, sempre assassinadas de forma extremamente violenta, em momento de sensualidade ou nudez. O assassino normalmente só é revelado no final, usando quase sempre luvas pretas. Imagine uma mescla entre Hitchcock e filmes da pornochanchada. Aqui, um serial killer ataca mulheres na Berlin dos anos 80, e em seu encalço, está um homem em conflito. Estilizado, com fotografia e enquadramentos meticulosamente estudados, o filme ainda conta com uma trilha sonora regada à sintetizadores, bem `moda da época. Divertido para quem curte o gênero. é uma belíssima homenagem a um tipo de cinema que hoje em dia seria execrado pela patrulha ideológica. As cenas de morte são como sempre bizarras e filmadas de forma operística, grandiloquente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário