domingo, 2 de outubro de 2016

Ave Maria

"Ave Maria", de Basil Khalil (2015) Excelente curta-metragem palestino, que ganhou vários prêmios em inúmeros Festivais, tendo concorrido para Melhor Curta em Cannes e no Oscar 2016. O filme é uma comédia de humor negro que satiriza os costumes dos católicos e dos judeus. Em uma região da Cosjordâmia, um convento se encontra localizado em um deserto. Um acidente com um carro ocupado por uma família judia os faz bater em uma estátua da Virgem Maria. O carro quebra e os judeus procuram ajuda com as freiras, que não podem falar por estarem um voto de silêncio. Por ser dia de Shabá, os judeus não podem usar equipamentos e ligar o telefone para pedir ajuda. Absurdamente hilário e com um elenco sensacional ( com a famosa personagem da Mãe judia, no melhor estilo de Woody Allen. Bem dirigido, com o timing certo ( 15 minutos) e um roteiro explosivo e divertido. Imperdível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário