segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Confissões

"Confesions", de Christopher Grigat (2015) Belíssimo curta alemão, que em menos de 7 minutos, narra sem uma fala sequer o dilema de um jovem adolescente que escreve uma carta para os seus pais descrevendo o amor que ele sente por um outro garoto. A envolvente trilha sonora e a fotografia trabalham em conjunto com o conceito da Direção, fazendo um filme de sensações. Para os detratores, poderão dizer que é um longo comercial de perfume francês voltado para o público gay. Pode até ser. Mas tem tanta sensibilidade no trabalho do Diretor, que eu sinceramente fico ansiando assistir outros filmes dele. Uma aula de como fazer um filme barato, inteligente e conciso, sem diálogos. Nota: 9

Nenhum comentário:

Postar um comentário