quinta-feira, 24 de maio de 2018

"Game night", de John Francis Daley e Jonathan Goldstein (2018) Partindo de um roteiro onde a premissa é "Nada é o que parece ser", essa comédia de humor negro e ação tem no elenco a sua maior qualidade. Jason Bateman e Rachel McAdams comandam um time excelente de atores de apoio, dando graça e diversão. Os personagens estão na faixa dos 35 a 40 anos, e são todos nerds, daqueles que sabem de cor qual o nome do Teletubbie roxo. Todas as semanas, Max (Bateman) e Annie ( McAdams) juntam 2 casais de amigos em casa para juntos, participarem de jogos de adivinhação. Um dia, o irmão mais velho de Max, Brooks ( Kyle Chandler) retorna de uma viagem e se junta ao grupo, propondo um game diferente: ele contratou uma agencia de atores que simulam sequestro para que todos sejam peças do jogo. Mas o que ninguém esperavam é que sequestradores reais fossem aparecer. O filme tem momentos bem divertidos, e outros onde o humor não funciona. Talvez seja algo cultural. Mas só o fato de existir um filme onde os personagens nerds cospem o tempo todo referencias de cultura pop, já vale a pena assistir. O filme vai se desenrolando como uma verdadeira comédia maluca e nonsense, tipo "Depois de horas", de Scorsese. E é muito bom ver Rachel voltando a fazer comédias, ela é ótima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário