quarta-feira, 27 de setembro de 2017

O culto ao Chucky

"Culto of Chucky", de Don Mancini. O roteirista e Diretor Don Mancini foi quem escreveu o primeiro Chucky em 1988, que se chamava de "O brinquedo assassino" e foi dirigido por Tom Holland. Vários filmes depois, a franquia parece não ter fim. Agora com "O culto ao Chucky", Mancini esculhamba de vez o personagem. Não basta ter um Chucky, agora serão 4!!! E fora isso, ainda tem a Noiva de Chucky, ambos com as vozes de Brad Dourif e de Jennifer Tilly. Andy ( Alex Vincent, que interpreta o personagem desde o 1o filme, quando tinha 5 anos, e agora está com 34 anos!!) quer tentar salvar Nica (Fiona Dourif), presa em uma clinica psiquiátrica injustamente, acusada de ter matado toda a sua família no filme anterior. O que Andy não imagina, é que o Diretor da clinica resolve encomendar vários bonecos de Chucky como terapia para os seus pacientes. O filme infelizmente não faz juz ao personagem Chucky. O roteiro é fraco, apostando apenas em sucessão de mortes e personagens tolos. Mesmo as cenas de morte nem são divertidas, como eram as do primeiro filme. A franquia já se auto-parodia. Um exemplo: A personagem de Jennifer Tilly se apresenta para Nica como sua tia Valentine, e Nica diz: "Você se parece com a Jennifer Tilly". Um ou outro momento diverte pela tosquice, mas no geral, o filme é de verdade, mais do mesmo. Para quem assistir, existe uma cena pós-créditos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário