terça-feira, 15 de setembro de 2015

O corpo

"O corpo", de Lucas Cassales (2015) Vencedor de vários prêmios em festivais, incluindo Gramado 2015, o curta "O corpo" é um representante de um filme de gênero, no caso o terror psicológico, de onde saíram obras-primas do cinema como "Os inocentes", de Jack Clayton. O filme tem muito de sua força calcada na fotografia e na direção de arte, que criam um clima e uma atmosfera propícias para que a história tenha veracidade. Em uma fazenda no interior do Rio Grande do Sul, vive uma família de meia idade e um filho pequeno. A rotina da família é quebrada quando o Garoto encontra uma mulher nua desmaiada na estrada e a traz para casa. A partir daí, essa figura bem próxima a "Teorema" irá mudar a rotina de todos ali presentes. Em uma atmosfera sobrenatural, a direção do filme acerta ao apostar no final em aberto: afinal, o que é tudo aquilo? Trabalhando com sexo e violência, o filme provoca e instiga. Ponto para os ótimos atores, capitaneados por Cesar Troncoso. Filme de cinéfilo que será melhor apreciada por cinefilos.

Um comentário:

  1. Eu conheci o trabalho do ator Cesar Troncoso para o hipnotizador série S e eu vi que tem papéis muito surpreendentes

    ResponderExcluir