sábado, 7 de abril de 2018

You Were Never Really Here

"You Were Never Really Here", de Linney Ramsey (2018) Extraordinário trhiller, uma mescla fabulosa de "Drive", "Taxi driver" e "Hardcore: o mundo do sexo", 3 grandes obras-primas do cinema. Linney Ramsey, realizadora do tenso "Precisamos falar sobre Kevin", adaptou o livro de Jonathan Ames e escreveu o roteiro. Com direção primorosa e atuação brilhante de Joaquim Phoenix, o filme arrebatou em Cannes os Prêmios de Melhor ator e roteiro. Joaquin Phoenix é Joe, um ex-combatente da Guerra do Golfo e que se encontra cheio de paranóias e visões traumáticas da guerra. ele mora com sua mãe que também é doente mental. Joe trabalha como um detetive em busca de garotas raptadas/traficadas, e usa de métodos brutais para fazer o resgate. Um dia, ele recebe uma encomenda: resgatar a filha perdida de um Senador. Com um roteiro realmente foda, que homenageia todos os filmes citados, "You Were Never Really Here" é maravilhoso em todos os níveis. Cenas muito bem orquestradas, fotografia estilizada, atores maravilhoso e uma cena antológica: Joe ao lado de um agente moribundo, prestes a morrer, cantando o clássico "Never been to me", de Charlene. Absolutamente imperdível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário