quinta-feira, 26 de abril de 2018

Terra de Trovões

"Viharsarok", de Ádám Császi (2014) Premiado drama húngaro, que lida com o tema da homofobia. Em seu País, o filme foi considerado o "Brokeback mountain" local. A comparação faz sentido: o filme fala sobre a descoberta da homossexualidade já em fase adulta, o romance e posteriormente, a homofobia dos parentes e amigos. Szabolcs é um jogador de futebol, que entrou no esporte apenas porque foi um pedido de seu pai. Após uma discussão com seu treinador exigente e com seu melhor amigo Bernard, Szabolcs resolve reformar pro interior. ele herda uma fazenda abandonada do seu avó e resolve reformá-la. Um dia, Aron, um jovem pertencente `a uma gangue local, tenta roubar a motocicleta de Szabolcs. Aron se machuca e Szabolcs cuida dele. Aron acaba sendo contratado para ajudar na reforma da fazenda e inesperadamente, os dois se apaixonam e se tornam amantes. Bem dirigido e com boas performances, o filme é ousado nas cenas de nudez. O ritmo é bastante lento, mas a bela fotografia e as locações compensam. O roteiro em si não tem nada de novo, mas é um filme competente apesar do desfecho que com certeza, irá irritar muita gente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário