domingo, 1 de abril de 2018

A fabulosa história do Cinema gay

"Fabulous! The Story of Queer Cinema", de Lisa Ades e Lesli Klainberg (2006) Documentário sobre o Cinema de temática Lgbts nos Estados Unidos, desde sua aparição no início do século XX até o ano de 2006, quando surgiu o grande sucesso "O segredo de Brokeback Mountain". O filme, de 80 minutos, faz um resumo sobre a "saída do armário" dos filmes voltados para o público gay. O primeiro filme retratado é "Fireworks", de Kenneth Anger, de 1947, lançado numa época onde o Código de censura nos Estados Unidos estava em plena atividade, proibindo filmes de temática homossexual. Os filmes geralmente eram experimentais. Nos anos 60 vieram os filmes lésbicos voltados para o público masculino, depois Hollywood tentou lançar filmes para o público gay, como "Fazendo amor". mas a comunidade esnobou o filme, pois os atores principais eram heteros. O filme é excelente como base para entender como o cinema independente dos anos 90 foi fundamental para o surgimento do que se chamou de "New queer cinema", através dos filmes de Todd Haynes, Gus Van Sant, Angela Robinson, etc. O filme traz ótimos depoimentos de cineastas, atores, roteiristas, sobre como eles ajudaram a impulsionar os filmes. Fala também da dificuldade de mercado, do preconceito da comunidade com atores heteros que interpretam gays, o estereótipo. Na reta final, essa mesma turma reclama dos atores heteros que querem interpretar gays porque geralmente ganham prêmios, quando nos anos 70 e 80 eles recusavam interpretar , achando que iria queimar o filme deles. https://www.youtube.com/watch?v=beo4I6DmuuY

Nenhum comentário:

Postar um comentário