segunda-feira, 29 de novembro de 2010

O ciúme mora ao lado


"Haarautuvan rakkauden talo/ The house of branching love", de Mika Kaurismaki (2010)

Drama finlandês, com doses de comédia romântica, dirigido por Mika Kaurismaki, cineasta apaixonado pelo Brasil. (não a toa a trilha sonora é recheada de musicas brasileiras). Ele dirigiu também o documentário "Brasileirinho".
Um casal prestes a se divorciar, faz um pacto de ainda morarem na mesma casa, contanto que dividam seus espaços. Fazem regras, que não devem ser quebradas por nenhum dos dois. Vivem discutindo e se odiando, e cada um descola um amante, para provocar ciúmes no outro.
O filme começa muito bem, mas do meio em diante, vai se enveredando por um genero policial, com uma trama maluca de roubo de dinheiro que confesso, não curti. O diretor deveria ter se atido ao drama do casal, teria sido muito mais interessante.
De qualquer forma, as cenas cômicas, e a atuação do casal principal, valem o filme. Vale ressaltar que o elenco de apoio também é divertido, calcado em estereótipos da amiga perua, do amigo garanhão, o amante gostosão, a puta de bom coração, o detetive atrapalhado.
A duração do filme é um pouco excedente, deveria ter uns 20 minutos a menos.

Nota: 7

Nenhum comentário:

Postar um comentário