segunda-feira, 8 de abril de 2013

A busca

"A busca", de Luciano Moura (2012) . Sao dois os grandes meritos desse belo filme do Diretor de publicidade da O2, Luciano Moura: A excelente fotografia de Adrian Teijido, que intensifica o drama emotivo e jornada da alma dos personagem de Wagner Moura..e a trilha sonora de Arnaldo Antunes, sensivel, embalando como uma cancao de ninar o espectador. Por conta dessa dupla de qualidade tecnicas, me mantive 100% antenado no filme. O filme vai divagando lento, corrosivo, triste. Wagner Moura e Mariana Lima estao otimos, com destaque maior para Mariana, economica nas emocoes a flor da pele, evitando arroubos de overacting em cenas excessivamente dramaticas. Bras Antunes, filho de Arnaldo, interpreta o adolescente, e da conta do recado, mesmo aparecendo em poucas cenas. Lima Duarte, que aparece em no maximo 5 minutos, esta cativante e emociona no papel do pai de Wagner Moura. O filme é basicamente um reajuste de contas familiar, adornado pelo descobrimento da alma do protagonista, que percorre varios estados, encontrando varios Brasis que ele desconhecia. Ao final da projecao, os personagens passam por uma terapia de auto-conhecimento. O ponto fraco do filme resid eno roteiro, da excelente elena Soarez: praticamente todos os personagens abordados pelo protagonista, ja esbarraram com o filho perdido. Acho que ficou facil demais, e ao mesmo tempo, inverossimel. Tambem nao gosto da montagem "Tropa de elite"do filme. Nao precisava ter a cena inicial, um fast forward de um acidente que ocorrera la quase no desfecho do filme. A historia poderia muito bem comecar sem esse recurso narrativo, e deixar o espectador embarcar nessa viagem emocional. O numeroso elenco de apoio e' otimo, e com prazer revejo Ruy Resende, sumido das telas por um bom tempo. Nota: 8

Nenhum comentário:

Postar um comentário