sexta-feira, 22 de julho de 2011

Um gato em paris


" Une vie de chat/A cat in Paris", de Jean-Loup Felicioli e Alain Gagnol (2010)

Zoé é uma menina que mora com sua mãe, uma policial. O pai dela, também policial, foi assassinado pelo gangster Costa, que planeja um roubo a um carregamento de objetos de arte. Zoé , desde a morte de seu pai, ficou muda. Ela tem um gato, Dino, que de dia fica com ela, e de noite, vai até a casa de um bandido, Nico, que rouba joias. Nico é um bandido de bom coração. Os caminhos de todos irão se cruzar, até um desfecho romântico e surpreendente.
Simpática animação, de traços simples, bem vintage para os padrões de hoje. Como não poderia deixar de ser, é um produto feito para o adulto nostálgico. Definitivamente não é para crianças: tem um clima soturno, violento, e até assustador, apesar da aparente singeleza das imagens. A história é simples, ingênua, sem grandes arroubos de originalidade. A trilha é ótima, e o trabalho de dublagem também.

Nota: 7

Nenhum comentário:

Postar um comentário